Eu Interno: Seu maior inimigo? (5 Dicas para Evitar a Auto Cobrança)

Inimigo Interno

Inimigo Interno

Não existe nada bom ou ruim, apenas o pensamento que o faz assim – William Shakespeare

Quem está de verdade no controle da sua vida? Seu amigo interno ou seu inimigo interno?

Você já percebeu que é mais fácil ser gentil com os outros do que consigo mesmo?

Não é que você tenha a intenção de ser mal ou crítico consigo mesmo, mas é muito fácil ceder a este hábito. O hábito da auto cobrança e da autoflagelação.

Neste final de semana eu participei de uma corrida de revezamento em trilha com um total de 50km de percurso, éramos 3 equipes compostas de 4 pessoas cada. A experiência de correr em equipe foi incrível, mas eu percebi uma coisa muito interessante.

Durante toda a competição eu realmente não estava preocupado se os meus colegas iriam bem ou mal, eu estava mais preocupado em não decepecioná-los e em dar o meu melhor para não prejudicar a equipe. Com isso ao longo de toda a corrida a minha auto cobrança foi imensa, e é claro que isso serviu como uma potente motivação para eu não desistir e continuar seguindo em frente.

Mas nem sempre esse tipo de atitude trabalha ao nosso favor…

Muitas pessoas são auto críticas na esperança de causar algum tipo de mudança dentro delas mesmas. Mas com frequência, o tiro pode sair pela culatra quando você começa a criar bloqueios internos ao se forçar demais a fazer algo que está muito além das suas capacidades.

Auto CobrançaPor exemplo: muitas pessoas começam uma nova dieta eliminando tudo aquilo que elas estavam acostumadas a comer de forma súbita e intensa, outras começam na academia com aquela mentalidade de que precisam treinar intensamente, todos os dias sem exceção. De repente essas pessoas por não conseguirem manter todo esse novo estilo de vida ao pé da letra acabam falhando em algum ponto ou outro, o que é totalmente natural, mas a auto cobrança delas é tão forte que com a mesma velocidade que se viram motivadas antes, subitamente se vêem desanimadas, e para muitos isso já é suficiente para largar tudo de mão e desistir.

Você concorda que isso precisa parar imediatamente?

Auto Flagelação

Tudo o que perseguimos com muita força e tensão foge de nós. É como se tentássemos segurar uma porção de água apertando-a contra as mãos para logo ver todo o líquido escorrendo por entre os nossos dedos.

Correr atrás do próprio rabo é desmoralizante. A auto cobrança e a auto flagelação são os gatilhos mentais para a criação automática de desculpas pelo seu cérebro… Sim, aquelas desculpas que você cria como “está chovendo”, “está muito frio”, “estou cansado”, “não tenho tempo”.

Estas desculpas nada mais são que um mecanismo que o seu cérebro usa para tentar te proteger. Quando você se compromete a fazer alguma coisa e acaba não fazendo, a tensão e a confusão mental é tão grande que para não ter que lidar com o barulho interno o seu cérebro prefere se anestesiar com desculpas e mais desculpas.

Para mudar é necessário um certa dose de vontade e um comprometimento gentil para consigo mesmo

A auto cobrança é uma grande armadilha, pois você não está inspirando-se, motivando-se ou se encorajando-se quando está sendo duro consigo mesmo.

GentilezaDiálogo auto crítico não construirá a auto confiança. Ele também não te dará a motivação necessária para fazer mudanças positivas. Entretanto, ao conversar gentilmente consigo mesmo, você mudará completamente sua perspectiva, níveis de energia, relacionamentos, motivação, bem estar e obterá consequentemente maior sucesso na mudança de hábitos.

Se você fala consigo mesmo de uma maneira dura e nada gentil, você na verdade está criando um inimigo eterno que sabotará cada movimento seu em direção ao que você acha correto ou deseja mudar.

No entanto, este inimigo não precisa controlar a sua vida. Você pode criar um amigo interno que é mais poderoso e inspirador – alguém que te encoraje, te motive, te inspire e te apoie em qualquer iniciativa que tome.

Segue abaixo algumas maneiras de se tornar mais gentil com a única pessoa que está com você ao longo de toda a sua vida: você.

1. Não se compare com outras pessoas

Inspire-se em alguém que você admira, mas nunca sinta-se “menos que” ao comparar o que uma pessoa tem com o que você não tem. Ao invés disso, foque em ser melhor que ontem todos os dias. Utilize-se de outras fontes de inspiração para evoluir, mas permaneça VOCÊ mesmo.

2. Torne-se amigo do seu auto diálogo interno

Amigos são fascinados uns pelos outros. Eles querem saber tudo sobre o outro, e você pode fazer o mesmo com o seu auto diálogo como uma forma de melhorar. Como você trata e fala consigo mesmo? Quais sãos as palavras que você usa quando você fala de si mesmo para os outros. Você não precisa colocar cada palavra em um microscópio, apenas preste atenção em como você sente após dizer algo. Se você se sente mal, pare imediatamente de dizer isso sobre você mesmo.

3. Melhore a sua linguagem interna

Ao invés de ficar apontando para as suas falhas e fraquezas, foque na solução e não no problema, diga a si mesmo o que você pode fazer para mudar a situação, as ideias que você tem. Seu melhor amigo interior apenas fala com você de maneira amorosa e encorajadora, assim como você fala de maneira gentil e encorajadora com os seus amigos!

4. Agradeça a você mesmo

Dê a você mesmo algum sinal de apreciação quando você faz algo bom. Aprecie o seu corpo, sua mente, seus sentidos, criatividade, talentos, intuição, coragem, perseverança, gentileza, hábitos positivos… e lembre-se de demonstrar a auto compaixão.

5. Use esta poderosa auto afirmação durante as suas meditações:

“Eu amo a mim mesmo”. Realmente permita-se sentir o amor expandir-se conforme você repete esta frase. Mesmo que no começo isso pareça um pouco embaraçoso ou estranho (especialmente se você foi ensinado a crer que o amor próprio é uma forma de narcisismo), os bons sentimentos que você desenvolver conforme repetir este Mantra começará a eliminar a sua negatividade condicionada. Nada é mais efetivo que mudar a maneira como tratamos a nós mesmos ao ativar e cultivar o amor próprio.

Seu melhor amigo interno está transbordando de amor incondicional por você, e o seu melhor amigo interno nunca permitirá que você se torne o seu próprio inimigo!

Dê uma forte voz para o seu melhor amigo interno, e observe a sua vida mudar para melhor conforme você retorna para aquele amor e paz que você sentia quando veio para este mundo!

Medite e se engaje em práticas que te levem ao auto conhecimento, você encontrará um monte delas no Spartancast, mas temos uma em especial neste link (clique aqui)!


Also published on Medium.

Sobre Autor

Gabriel Menezes

Atleta livre e amador que acredita no resgate pelo esporte, tendo a compaixão como sua religião e as atividades físicas como a sua filosofia de vida.

Prove que eles estão errados

Motivacional 15 – Prove que eles estão errados!

Episódio MOTIVACIONAL. Também disponível no Soundcloud! Definitivamente não existe nada mais motivador quando me dizem: “Você não conseguirá”. Texto e narração por: Gabriel Menezes Disclaimer: Este podcast é ...