Mindfulness VS. Meditação: 5 Maneiras Simples de Praticar as Duas!

Afinal de contas, qual é a diferença entre Mindfulness e Meditação?

Recebi esta pergunta de um dos meus alunos e me dei conta de que por mais que isto esteja tão claro na minha mente, muitas pessoas devem ter exatamente a mesma dúvida.

Enquanto algumas pessoas se revezam no uso dessas duas palavras, as duas práticas estão conectadas mas não são a mesma coisa.

Se você está interessado em praticar o Mindfulness ou aprender sobre algumas práticas de Meditação, explicarei aqui algumas das diferenças básicas entre estas duas práticas e como implantar ambas no seu dia a dia.

O que é Meditação?

Meditação é uma prática ancestral que incorpora a respiração, aprofundamento da consciência e relaxamento mental.

Devido a sua aplicação vasta e os seus diversos estilos, existem muitas maneiras de definir a meditação: Uma revista americana especializada em psicologia, chamada Psychology Today define a meditação como a prática de trazer a sua atenção para um único objeto de foco, podendo ser o foco na respiração, nas sensações corporais, ou na repetição de frases de afirmação (também conhecidas como Mantra).

A Yoga International Institute refere-se a meditação como uma técnica para relaxar a mente e entrar em um estado de consciência que é extremamente diferente do estado mental quando estamos acordados ou adormecidos.

Praticando a Meditação

Se você estiver interessado na meditação, para começar é muito fácil. Tente uma das técnicas básicas de meditação apresentadas a seguir:

  • Tire um tempo todos os dias para focar e prestar atenção somente na sua respiração.  Isto pode te ajudar a atingir um maior foco e clareza mental, e é claro, dar aquele tempinho para o seu cérebro relaxar pois ele não para nem quando dormimos (você sonha, certo?). Tente fechar os seus olhos colocando toda a sua atenção no ar saindo e entrando em seus pulmões. Conte mentalmente as respirações caso queira aumentar ainda mais o foco. Você pode ouvir músicas instrumentais relaxantes enquanto medita pois isso te auxiliará no aumento do foco no seu interior tirando a sua atenção do mundo exterior.
  • Tente Áudios de Meditação Guiada. Este é um tipo de meditação onde você ouve e responde simultaneamente às orientações dadas por um professor. Isto permitirá você ter uma ideia de como é trabalhar diretamente com um especialista te auxiliando em todas as dúvidas mais comuns que surgem neste primeiro contato e também ter uma melhor experiência de como a meditação realmente funciona. Para começar no conforto do seu lar, você pode começar com esse áudio que preparei para você: Áudio de Meditação Guiada.

O que é Mindfulness?

Mindfulness, traduzindo para o português significa Atenção Plena. A definição mais conhecida e divulgada do Mindfulness vem do Dr. Jon Kabat Zinn, um dos cientistas e especialistas mais famosos desta prática amplamente aceita na medicina integrativa.

Ele define a Atenção Plena como a “experiência do momento presente, sem julgamentos”. Ou seja, um estado mental de total concentração e foco, onde você direciona toda a sua energia e atenção para o que está acontecendo aqui e agora no momento presente.

A revista digital mindful.org diz que a Atenção Plena é a habilidade humana básica de ficarmos totalmente presentes, e conscientes, de onde estamos e o que estamos fazendo, agindo de maneira menos reativa e sendo menos consumidos pelo o que está acontecendo ao nosso redor.

Isso pode se aplicar a qualquer coisa, desde escolher cuidadosamente as palavras que dizemos para os nossos filhos, escutar a todos com atenção, prestar atenção no que comemos ou focar toda a nossa atenção nas atividades executadas todos os dias no nosso trabalho ou esporte.

Praticando o Mindfulness

Existem diversos pequenos passos que você pode dar para ficar plenamenta atento no seu cotidiano. Para começar a praticar o Mindfulness, tente uma das estratégia que eu separei para você a seguir:

  • Fuja do Modo Multitarefa e traga a sua atenção para uma única tarefa por vez. Aguçar o seu foco pode te ajudar a ficar ainda mais presente no momento e ser muit mais produtivo, ao invés de dividir sua atenção entre muitas tarefas e levar o triplo do tempo para concluí-las. Isto pode ser feito, como por exemplo, através do ato do simples ato de focar a sua mente no sabor daquilo que está comendo, ao invés de assistir a TV, usar o telefone ou ler durante o jantar.
  • Foque nas sensações do seu corpo. Tente sentir o aroma do seu café, trazendo a sua atenção somente para este aroma. Tirar alguns momentos para prestar atenção nas pequenas percepções sensoriais é uma maneira mais concreta de ficar mais atento nas suas atividades diárias.
  • Escute ativamente. Ao conversar com alguém, foque no que o outro está dizendo, nas suas expressões faciais, na sua postura, ao invés de deixar as palavras dele entrar por um ouvido e sair pelo outro, ou ficar pensando na próxima coisa que irá falar assim que o outro terminar. Você pode praticar a escuta ativa ao fazer contato visual, pensando e prestando atenção somente naquilo que a outra pessoa esta dizendo, e fazendo perguntas ou repetindo suas ideias para garantir que você entendeu corretamente.

Agora que você descobriu a diferença entre o Mindfulness e a Meditação, agora é hora de colocar estas duas práticas em ação. Para começar a praticá-las, dê uma checada em Introdução à Meditação Esportiva!

Sobre Autor

Gabriel Menezes

Fundador do SpartanCast, Consultor e Especialista Internacional em Liderança, Alta Performance e Mindfulness com atuação na área esportiva e empresarial. Holistic Therapist e Professor de Mindfulness credenciado da International Meditation Teachers Trainers Association e Membro Executivo do International Institute for Complementary Therapists.

Transformação Corporal - Rodrigo Leme

RODRIGO LEME – SÃO PAULO

  “Olá Espartanos!!!!! Sou Rodrigo Torres Leme, resido em São Paulo e sempre na minha vida tive a famosa saliência abdominal! Desde a minha infância ...