fbpx

Condenação sem Investigação é o Auge da Ignorância

Ignorância
Ignorância

Albert Einstein disse uma vez:

A condenação sem investigação é o auge da ignorância.

No entanto, vemos que essa é a resposta padrão de muitas pessoas para a maioria das coisas…

Rejeitar algo que não sabemos nada mais é que permanecer ignorante, o que significa estagnação em nossa evolução. Se desejamos crescer, devemos estar abertos a tudo, inclusive aquilo que nos causa desconforto, e aprender mais sobre isso antes de condená-lo.

Distração em massa

Sem nomear nada específico, você sabe que existem alguns problemas importantes que afetam a humanidade no momento, no entanto lhe pedem para condenar certas perspectivas fora deste contexto para te manter entretido com coisas que não valem o nosso tempo e energia.

Sempre que alguém lhe disser para pensar de uma certa maneira para que você não tenha tempo de questionar e formar a sua própria opinião, você pode ter certeza de que esta é uma reação baseada no medo de alguém que não quer perder o controle sobre uma determinada situação.

O sistema vigente atualizou suas técnicas de controle e manipulação

No passado, haviam controles abertos, como a “Cortina de Ferro” ou a “Ditadura”, que bania completamente certas opiniões e os meios de disseminá-las, impedindo as pessoas de expressarem suas perspectivas e pontos de vista sob pena de crime de traição contra o estado. O crime de vadiagem na ditadura era para impedir as pessoas de se reunirem nas ruas e expressar a sua opinião umas as outras.

Bom, isso não funciona tão bem atualmente…

Todos nós sabemos o quanto algo fica ainda mais atraente e tentador quando nos dizem para não nos envolvermos nisso. A estratégia nova e aprimorada é ridicularizar perspectivas alternativas ou fornecer o que parece ser uma explicação científica ou proveniente de um especialista (comprado) que nega a perspectiva alternativa.

Isso leva à ilusão do conhecimento. Quando o sistema de controle nos alimenta com algo que eles dizem ser verdade, eles o vestem com todo tipo de reações aparentemente razoáveis e usam pessoas e entidades consideradas como tendo autoridade sobre um determinado assunto para fornecer a ilusão de conhecimento. Isso pode ser ainda mais perigoso.

Se queremos evitar ser enganados, precisamos questionar a tudo e a todos. Não importa se a pessoa que fornece as informações é chamada de “principal autoridade no assunto”. Eles podem realmente ter mais conhecimento do que qualquer um sobre o assunto, mas isso não significa que eles estão dizendo a verdade.

Conhecimento x Ignorância

Confúcio disse uma vez:

Conhecimento real é saber a extensão da própria ignorância.

Sabemos o quanto somos ignorantes? Você provavelmente não se considera ignorante.

No entanto, reflita sobre tudo em que você acredita que é verdade, quando se trata de algum aspecto da realidade…

Você já se aprofundou nisso? Se você o fez, você pesquisou e observou todas as perspectivas sobre isso?

Agora, mais do que nunca, é fundamental deixar de ser ignorante e começar a ganhar conhecimento verdadeiro. O conhecimento protege; a ignorância põe em perigo.

“Verdades” que não são questionadas

Podemos ver o perigo potencial (e real) que a ignorância representa quando observamos pessoas que aceitam cegamente as crenças que lhes são ensinadas sem nem questionar.

Lembre-se de que os psicopatas amam ter poder e controle sobre as pessoas e eles são naturalmente atraídos por posições dentro da sociedade que fornecem esse poder.

A probabilidade das pessoas que detém maiores parcelas de poder no mundo serem psicopatas em benefício próprio é muito alta. De acordo com um estudo da Forbes 70% dos CEOs e executivos de grandes empresas são sociopatas. Isso significa que, quando essas pessoas de terno e gravata, acima de suspeitas, lhe dizem algo, isso deve ser automaticamente questionados e investigado.

Questione sempre!

Se eles estão agindo principalmente por interesse próprio, mergulhe mais fundo no porquê eles estão dizendo ou fazendo algo que está limitando sua liberdade e soberania.

As chances são de que isso não seja para o bem da população, mas sim para promover seus próprios sonhos e interesse. Então não vamos transformar os sonhos deles em realidade, porque todos nós perderemos no final.

Viva na luz, mas não finja que as sombras não existem. A ignorância deliberada do que está sendo feito contra a humanidade pode ser a nossa queda, porque estamos dando nosso poder criativo e ajudando a manifestar uma realidade que nos destrói, em vez de nos elevar.

É hora de parar de ser ignorante e começar a entender o que realmente está acontecendo, porque nossa própria sobrevivência depende disso.

PARTICIPE do nosso Canal no Telegram para receber meditações e conteúdos exclusivos projetados especialmente para você que deseja Ser Melhor que Ontem todos os Dias!


SOMA quer dizer um corpo, uma mente e um espírito… Este é o grupo que torna todos os praticantes da meditação em uma comunidade.

A Força do SOMA está na sua comunidade, nessa incrível tribo de pessoas despertas que estamos construindo juntos!

Sobre Autor

Gabriel Menezes

Fundador do Spartancast, Consultor e Especialista Internacional em Liderança, Alta Performance e Mindfulness dando treinamentos corporativos em todos os continentes do mundo. DJ, Terapeuta Holístico (Registro Profissional CRTH-BR: 3128) e Professor de Mindfulness credenciado pela International Meditation Teachers and Therapists Association (IMTTA), Membro Executivo do International Institute for Complementary Therapists (IICT) e Membro Profissional da American Mindfulness Research Association (AMRA). Diretor e Representante da IMTTA no Brasil formando mais de 200 Professores de Meditação e Terapeutas. CEO do SOMA Awakening Breathworks nos Países de Língua Portuguesa.